3 thoughts on “De Cabo Verde a Porto Santo… Por Alfredo Monteiro .

  1. Maria de Fátima Graça
    Friday October 26th, 2018 at 03:57 PM

    Meu querido amigo. Grande a vossa acção. Belíssima a sua crônica. Um abraço

  2. José Oliveira Gomes
    Friday October 26th, 2018 at 02:31 PM

    Olá Alfredo,

    O cronista-mor, Fernão Mendes Pinto, não diria melhor, pois a célebre frase, “Fernão Mentes… minto”, é bem elucidativa da narrativa romanceada, razão pela qual não lhe ficas atrás.

    Romancear, e até transmitir um som poético às coisas, é também uma forma de contar histórias, e sentimentos vivenciados nas experiências com o próximo.

    Isto também é digno de constar nos almanaques de viagens. Saudações Amigas e Parabéns

    J Gomes

  3. Virgilio Faria
    Friday October 26th, 2018 at 09:59 AM

    Excelente reportagem e melhor relato.

    Um grande abraço,

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *