Loading...

Sábado, Dezembro 03, 2022

Categoria: Opinião

Notas generalistas.

O nosso Magusto em Montariol, por Alfredo Monteiro

Fiel ao compromisso feito, aquando do “Encontro” anual de Maio passado, a direcção da Associação dos antigos alunos franciscanos realizou, em Montariol, o tradicional Magusto de São Martinho. Tarde soalheira de convívio à roda das apetitosas castanhas transmontanas e de outros sabores, tudo regado com vinho verde novo, maduro do Douro e a angélica jeropiga… A chuva persistente dos dias anteriores deu lugar ao “Verão de São Martinho”! Mas quem é este santo tão popular, capaz

Ler Mais

A  Árvore  e a  Floresta, por Alfredo Monteiro

Numa sexta-feira do mês de Outubro findo fui espectador atento, como de outras vezes, de um programa de televisão cujo tema em debate era a pedofilia na Igreja Católica. Sabendo que durante longos dias, em paralelo com as imagens dramáticas da “loucura da guerra” na Ucrânia, foi assunto permanente da comunicação social, mais despertou em mim  o  interesse de saber como o tema seria tratado pelo moderador e convidados do respectivo painel. De formação e competências

Ler Mais

Em  Maio com as  nossas Mães … , Por Alfredo Monteiro

Naquele lugar desconhecido, entre o Minho e Trás-os-Montes, com a chegada do Maio florido, o povo celebrava festivamente o “Mês de Maria”. As badaladas do sino, terminadas as lides agrícolas, reunia os fiéis na pequena capela românica. Na ausência do pároco emergia sempre alguém, entre os presentes, que  orientava a “reza do terço” e iniciava os tradicionais cânticos marianos. Passadas tantas décadas, recordo e guardo no coração cada princípio de noite desses “maios” longínquos! Porém, com

Ler Mais

Ressuscitar o Concílio Vaticano II, por P. Manuel Joaquim R. dos Santos

O Papa Francisco tem sido fiel a esta premissa conciliar: a Igreja faz parte do mundo contemporâneo e com ele se faz caminho, num processo contínuo de conversão! Não aceita a miopia de continuar ocupada com um mundo que já não existe. Ainda muito recentemente, como nos lembrava o frei português Bento Domingues OP, o papa na Eslováquia, criticou duramente quem alimenta a ficção de procurar voltar atrás: «Sofremos isso hoje na Igreja: a ideologia do

Ler Mais

ALPHA,  DELTA  E  ÓRIGON – O vírus camuflado, por Alfredo Monteiro

Quando em princípios de Março de 2020 o COVID19 entrou em Portugal, vindo já de outros países europeus, apanhou quase toda a gente de surpresa! Apesar das notícias que chegavam sobre a sua agressividade foi, no entanto, desvalorizada a sua presença. Até as próprias autoridades de saúde andavam confusas e perplexas! E não definiam, com rigor, o modo de o combater! O inimigo, na guerra de guerrilhas, ataca sempre de surpresa e em locais inesperados; com

Ler Mais

A  conversão ecológica, por Alfredo Monteiro

…E o grito da Natureza ouviu-se; forte, muito forte! E os povos sentiram as suas dramáticas e dolorosas consequências. Vilas e aldeias foram varridas pelos ventos ciclónicos e afogadas nas águas sujas das enxurradas. Muitos mortos e desaparecidos, enormes prejuízos materiais. Estes fenómenos inesperados aconteceram, neste verão, em países europeus! E, nos Estados Unidos e Canadá, o calor infernal com incêndios devastadores. Os cientistas tinham avisado que os sinais da Vida da Terra estavam a piorar

Ler Mais

A MISSÃO ADIADA

Depois de Cabo Verde e Guiné-Bissau, de São Tomé e Príncipe e Angola, o nosso regresso a África foi adiado. Era a missão de 2020 a Moçambique. Desde Março desse ano que vivemos um “tempo congelado,” impedindo-nos de percorrer os caminhos que levam ao encontro presencial! E o povo moçambicano que, desde 2017, vive uma situação trágica e desoladora, com os ataques bárbaros dos terroristas, bem precisa dos abraços de proximidade, solidariedade e de fraternidade. Os

Ler Mais

“E EÇA, HEIN?”

(Os estrangeirismos de Eça de Queirós) Titulo este texto com uma homofonia (palavras homófonas: têm a mesma pronúncia, mas grafia e significado diferentes, lembram-se?) que simultaneamente nos remete para o saudoso Fernando Pessa e o consagrado Eça de Queirós. Lanço o holofote a este último. Não sou crítico literário nem faço juízos de valor de escritores, muito menos se conceituados, que ocupam um espaço a que ascenderam com razão. Dessa tarefa se encarrega, com saber e

Ler Mais

Somos portugueses, mas we speak english!

(Terá futuro, a língua portuguesa?) Lamentável e contra-sensual, no mínimo, é haver gente nada e criada aqui, em Portugal, que a toda hora, em qualquer lugar ou circunstância, utiliza termos e expressões em inglês, quando bem podia usar os correspondentes em português. Por que há-de dizer-se “task force”, por exemplo, quando se pode utilizar “grupo de trabalho”? Por vaidade? Por ser moda? Por ser “nice”? “Se não for travada a entrada na nossa língua de estrangeirismos

Ler Mais

O Seminário, uma grande escola de formação.

Ao longo de uma vida somos marcados pela nossa família, pelas pessoas que cresceram, trabalharam, estudaram, conviveram connosco e foram, de uma maneira ou de outra, responsáveis pela nossa formação. O Seminário é uma dessas grandes escolas da sociedade que marca pela positiva quem por lá passa. Grandes homens, sacerdotes e leigos, que esta instituição tem formado ao longo da história e que têm prestado dignificantes serviços à sociedade. Mesmo aqueles que não continuaram a estudar

Ler Mais